quinta-feira, 16 de junho de 2011

COMO ADAPTAR/ LIMPAR UM VISUAL DE DESFILE DE MODA? Kenzo




Imagens extraídas do excelente site The Fashionisto
Looks da marca francesa Kenzo na Paris Fashion Week para o outono de 2011.

Novamente elaborei quadros, cliquem neles para ampliar, você pode trabalhar com duas guias abertas para ver a imagem e ler minhas considerações.;




A primeira tabela traz looks estampados no estilo dândi, todos os modelos vestem calças.


1- Sempre usei calça social com coturno apesar dos olhares tornos de alguns. Não só o colarinho da camisa como a própria camisa poderiam ser lisos para realçar a gravata e o xadrez belíssimo do conjunto. A propósito, este xadrez é belíssimo para um kilt ^^ 


2- Talvez aqui seja mais prudente usar as calças para dentro do coturno para acompanhar a linha de irreverência da estampa num possível militarismo. Penso que ficaria melhor usar o paletó aberto e sem a gravata, a camisa e colete parecem discretos, pode manter, apenas saiba que você também pode substituí-los por camisas e camisetas lisas em tons neutros como branco. 


3- Para quem não notou, existe metade de um kilt na mesma estampa da roupa, a perna direita está certo, note como ficou atrás pela foto do look seguinte. Este é mais um momento de você decidir se quer usar kilt ou calça, nesta proposta não há como juntar os dois interesses. Na pior das hipóteses, use um kilt preto longo.

Tanto este xadrez do paletó e da calça como o xadrez da camisa possuem uma estampa floral, creio que está muito feminino, devo, inclusive, ter visto este tipo de junção de estampa aqui no Brasil em algumas peças... Opte por um xadez sem as flores, se for usar as duas estam,pas juntas, use como camisa. A gravata borboleta poderia ser substituída por uma cravat, a gravata vitoriana ou uma gravata moderna.

4- O patchwork (junção de retalhos) da calça é muito interessante, mas não acompanha o visual de gala do resto look evidenciado principalmente pelo paletó fino. Convém usar uma calça social no lugar ou até mesmo uma calça de vinil ficarias melhor. Se for manter a irreverência da calça, use uma camiseta ou camisa. Um kilt preto longe também pode atuar como substituto. Já a camisa listrada é mais uma das coisas que já tinha que ter saído de moda, use algo sem, estampa.




Mais calças!



1-  Um quase estilo ouji nas passarelas? O modelo é plenamente usável, mas são possíveis adaptações ao contexto e à mensagem que sua roupa passará. Você pode usar o paletó aberto com um colete ou pulôver, apenas a camisa, uma meia-calça fio 80 etc. Cartola é algo bem-vindo. O detalhe do fecho da calça é gracioso. Isto é tudo o que nossa sociedade preconceituosa, puritana e mesmítica não descobriu: a possibilidade de usar calças curtas de modo especial, elegante, modesto e decente.

2- Usando uma cartola ou um chapéu coco você consegue solenizar este look perfeito para ir a um piquenique vitoriano, aliás isto serve para todas as 5 propostas deste quadro e também do anterior. A calça pode ser em cintura alta o que ajuda na volta aos século XIX. Por tal razão, é interessante aumentar a calda do fraque.

3-  Fala-se muito bem de cintura alta, mas certos pontos precisam ser frisados. Porque não usam mais cuecas e lingeries de cintura alta como antigamente? Pelo simples fato de que cintura alta não se usa em tudo, neste look ficou bacana apenas deve se lembrar que para uma calça ser usada como cintura alta é importante que não esteja nem muito apertada e o cavalo deve ser apropriado. Para quem tem o corpo flácido é preferível usar suspensório no lugar do cinto e tomar  cuidado para não marcar a cintura indesejada, talvez uma calça de oxford em cintura baixa na medida equilibrada não vai prejudicar seu corpo, já o jeans...

Neste modelo convém substituir a gravata por uma menor e sem a estampa das manchas ou não usar gravata.

4- A bota de cano curto tem detalhes interessantes, use a calça por baixo dela. Look muito maravilhoso. 

5- Flores e estampas demais! O paletó florido é bonito, não fica indiscreto , no início do século XIX alguns coletes eram floridos, pode mandar fazer um nesta estampa. Novamente você deve decidir entre kilt e calça, opte por uma calça cinza lisa, camisa e gravata também poderiam ser lisas. Caso deseje incluir um kilt, faça-o liso cinza e sem calça. Enfim, tente acompanhar a essência da roupa, equilibrar detalhes, manter a masculinidade etc





Última tabela, os quatro modelos de kilt

1- Uma proposta séria. Caso queira usar saia com calça, a saia evasê deve ter aberturas laterais para a calça aparecer, no entanto, você pode vestir um kilt preto longo para acompanhar a sobriedade do look. Eu não vestiria essa confusão de estampas da camisa e da gravata, uma coisa só seria estampada e não as duas...

2- Ninguém precisa andar na rua com um rabo desses! Kilt não tem que ter abertura ou nada na frente e uma cauda. Aberturas laterais e uma pequena fenda não há problema. Use um kilt longo preto ou mantenha as calças.

3- Teoricamente não há problemas porque tudo está xadrez, mas é preferível eliminar um pouco de xadrez porque temos muito e isto pode passar uma ideia muito folclórica e não uma inspiração. Uma possibilidade, lembrando que são infinitas, é dispensar a gravata e o blazer, outra seria retirar a gravata e a calça...

4-  Não, o rapaz da foto não é meu filho e nem eu, apesar que eu já sou usuário deste visual, um look perfeito, mais um que entra para a lista de profissão do século XXI porque se nossa sociedade permitisse poderíamos usar tal look. Eu não usaria uma estampa tão grande como esta porque aumenta o corpo. 






  
Esse último look só chegou até mim ontem, o post foi elaborado há duas semanas e programado para publicação hoje, todas as postagens estão sendo assim. Esse modelo é muito bonito, convém fechar o kilt e eliminar a calça. Para usar o kilt no joelho e a bota é preferível que o kilt seja longo, a questão é que a mistura de bota + perna + kilt encurta um pouco as pernas, mas seja como for este visual é lindo!







   Todos os looks desta coleção são as criações mais equilibradas que já vi na vida, tudo muito adaptável facilmente. Um ponto relevante é a possibilidade de usar kilt em quase todos os looks realizando poucas adaptações, penso eu que estes entram na categoria  de look vitoriano, acho que constituem releituras do dândi, do próprio século XIX mas com o uso de kilt. Com os eventos reconstrucionistas históricos se aproximando, que tal fazer uma releitura viitoriana do dândi usando kilt?

   E você? O que você adaptaria/ limparia?


Rommel Werneck

2 comentários:

Leka disse...

Oi Febo!
Obrigada pela visita!
Não vou arriscar dar palpite, pois não saco muito do assunto, mas lendo teu post deu pra ver que é possível usar variações muito legais!
bjs, paz e bom final de semana!
http://guerradosmundosleka.blogspot.com/

Moda de Subculturas disse...

Quadro 2 look 1: lindo!!
quadro 3 look 3: Adorei muito! Apenas trocaria as meias (ou leggings) por uma preta. Mas gosto da gola e gravata. E look 4, é perfeito! Eu apenas sugeriria que a parte de cima fosse mais justa.
Quanto à última foto postada, a padronagem do xadrez é linda.