sábado, 10 de setembro de 2011

COMO ADAPTAR/ LIMPAR UM VISUAL DE DESFILE DE MODA? Slava Zaitsev

O estilista russo Slava Zaitsev.



   Este look (outono/ inverno 2011/2012) do estilista russo Slava Zaitsev foi descoberto em minha visita ao excelente blog indiano  Fashion Inquisitive de Laveena Rochvani que me respondeu que este look era sim masculino, porque no início eu achei que fosse uma mulher. 

   Veja os outros perfeitos looks aqui.

   Vamos ao visual!






Como comentei no e-mail para a blogueira Laveena Rochvani, eu acreditava que este look fosse feminino, a questão é que um homem está desfilando, mas o visual permanece pouco masculino. Vamos às adaptações.


Ao contrário do que se pode imaginar, a cartola não é um elemento estranho e facultativo, pelo contrário, pode ser essencial para montar um visual para nossos queridos piqueniques vitorianos, sendo assim, convém que a cor seja preta, aliás, espera-se o uso de tons escuros e discretos no resto do look, por exemplo, a jaqueta e a gravata podem ser pretas ou num tom de marrom escuro combinando com a bota.


A saia parece ser o elemento mais chamativo. Usar uma saia assimétrica é possível desde que na cor preta e sem estampa, acontece que neste caso, seria mais interessante e estético que a saia fosse longa (abaixo do coturno e escondendo a meia branca desnecessária), escura e sem esta estampa. A modelagem pode seguir a modelagem convencional do kilt escocês:  lisa na frente, pregas atrás e saia transpassada. Uma possibilidade neste ponto seria fazer algumas pregas nas laterais. A saia longa ajuda na silhueta e colabora num visual mais discreto. 


Cores: como eu já disse, uma das possibilidades é usar preto ou marrom. Uma outra possibilidade é se inspirar no look de Slava Zaitsev e montar um visual aternativo no estilo steampunk usando as roupas acima em tons de preto, marrom e cobre. Goggles na cartola e/ou nos olhos (os óculos escuros da foto são dispensáveis), engrenagens ou insígnias na jaqueta (que não precisa ter essa modelagem muito moderno, mas assemelhar-se a um blazer), o uso de um cravat no lugar da gravata e, consequentemente, o uso de uma engrenagem ou outro acessório, a saia em modelagem de kilt e em tom cobreado etc


São muitas possibilidades, é isso! Essas adaptações, como eu comentei na nossa primeira postagem da série, passa por atributos pessoais: conceitos, opiniões, gostos, estilos, biotipos etc então tento sempre sintetizar tudo isso sob minha visão e também indicar apresentando outras visões. 




Rommel Werneck

Um comentário:

Diva Alternativa (Sana Skull) disse...

Rommel, eu gosto dessa saia exatamente como ela é: assimétrica. O problema é o comprimento dela que, usado com a bota, tornou o cara mais baixinho, portanto, só deve ser usada igual ao desfile se o cara for alto. Se ele for baixo, sua sugestão de saia mais longa chegando até a bota ou até mesmo uma saia curta - nos joelhos - mesmo com meia clara, ficaria bom.
Esse look em versão steampunk ficaria lindo!